segunda-feira, 18 de julho de 2011

Então é assim:

O meu antigo blog era muito importante para mim. Tinha leitoras e apesar de não conhecer ninguém pessoalmente considerava muitas delas, grandes amigas! Com elas partilhava muita coisa e sempre tive apoio incondicional, quer nos momentos de euforia, quer nos momentos de desanimo ou tristeza.
Era o meu cantinho. Onde eu contava (quase) tudo. Um dia sem vir ao blog era um suplicio. Era a primeira coisa que eu fazia quando chegava ao escritório e passava o dia a espreitar os v/ cantinhos e a ler as mensagens que me iam deixando.
Comecei o blog em Junho de 2009 e tinha, na altura, 81 kgs!!! Era muito. Demasiado para o meu 1,65mt.
Entre altos e baixos, quando encerrei o blog tinha 76 kgs. Tinha passado mais de um ano e só tinha perdido 5 kgs.
Contudo tive que me afastar durante uns meses e eis que regresso com 86 kgs!!! Nem me vou alongar sobre esse assunto...
Só me resta arregaçar as mangas, ganhar vergonha na cara e não brincar mais comigo! E é isso que vou fazer. Já tenho idade para ter juizo.

Quanto ao meu afastamento, eu na altura prometi que quando regressasse iria contar porque vos "abandonei".
Bem, custou-me imenso pois quem tem um blog e lhe dá tanto valor como eu dava ao meu, sabe bem o quanto custa deixar de cá vir.
Havia uma pessoa com quem eu convivo diariamente que também tinha um blog sobre culinária (e outras tretas), e eu era sua seguidora, embora não soubesse que ela era da minha conhecida. Entretanto também me começou a seguir e como lida diariamente comigo, facilmente me "reconheceu" através dos meus posts, pois eu contava no blog coisas do meu dia-a-dia. Quando me "topou" devia ter vindo falar comigo e dizer-me que sabia que eu tinha um blog e qual era. Mas não! Contou, mas não foi a mim. Foi a um conjunto de pessoas, que todos os dias iam ler o meu blog e andavam a cuscar sobre o meu peso, as minhas coisas...
Enfim do mais reles e nojento que há. Todas sabiam que eu tinha um blog, qual era e andavam a "invadir a minha privacidade". Por sorte quando uma outra colega soube disto veio alertar-me e foi então que eu, rapidamente, apaguei o blog e acabou-se a cusquice.
Eu sempre quis preservar a minha privacidade e por isso nunca me identifiquei, e para mim foi um grande choque saber o que faziam nas minhas costas.
Não é que eu tivesse algo a esconder, mas da minha vida sei eu, e pago impostos e não devo nada a ninguém. Não sou famosa nem tão pouco tenho telhados de vidro, mas andarem feitas traidoras a vasculhar a minha vida é revoltante.
Deixei passar um tempo, arrefecer os animos e criei novo blog, pois bastaria reactivar o antigo e lá estavam as matrafonas encavalitadas umas nas outras a cuscar sobre mim.
Agora terei mais cuidado do que falarei pois se me identificarem não saberão muito da minha vida.
De qualquer forma, se conseguirem identificar o meu blog, eu tenho um recado para as três. Foi uma frase que li há dias, que adorei e vos dedico com todo o desprezo que merecem:

Por pior que seja a vossa vida, cuidem dela e não da minha!!!

E agora minhas amigas blogueiras, estou de volta e é isso que interessa...só espero que todas me tenham "reconhecido". Deixei recado no blog de algumas mas ainda não avisei todas. Tive muitas saudades vossas. 


8 comentários:

  1. Compreendo perfeitamente, também prefiro a minha privacidade salvaguardada. Ainda bem que já acalmaram os animos e estás de volta !
    :))

    ResponderEliminar
  2. obviamente heheh que bom que voltaste! Vou linkar-te! Logo venho cá ler tudinho ;)

    ResponderEliminar
  3. Olá, antes demais deixa me dizer que historia triste essa...realmente as pessoas nao tem noção e Sao tão mas. Em relação ao teu comentário entendo que aches isso mas, enfim eu sempre fui magra, sempre pesei 54 kilos ou por vezes menos portanto sim os 62 Sao um terror para min razão da minha tristeza juntamente com a doença k a mim se alapou. Lamento mas Sao os meus kilos a mais e nada me deixa feliz em achar k as outras meninas tenham mais ou menos. Um beijinho e forca na tua batalha

    ResponderEliminar
  4. Isso realmente é revoltante. O meu blog é lido pelos meus pais, irmão, cunhada e um amigo, além do meu marido, claro. Mas todas estas pessoas tiveram a minha permissão para o fazer. Agora fazer por trás em conjunto e criticar, isso também não admitia. Mas o que importa é que estás de volta e fica, porque isto é uma grande ajuda. Beijo

    ResponderEliminar
  5. Não sabia que o motivo tinha sido esse. Eu também já senti isso na pele e é horrível!Mesmo eu e tu que nos poderíamos conhecer, nunca na vida iria dizer a alguém que tinhas um blogue. Essa pessoa foi maldosa contigo, mas pronto. Fizeste bem em encerrar o outro blogue e fazeres esse. Quanto ao peso... estar longe do blogue e das companheiras que tens aqui não é solução! Está mais do que visto, por isso vamos lá para a frente!!! ForçA ISA!

    ResponderEliminar
  6. obrigada tb te vou seguir e a dença é a compulsao alimentar mesmo que me leva à depressao.

    beijinhos e boa sorte com o teu blogue agora

    ResponderEliminar
  7. Ola Isa, obrigada pelo comentario, a vida e mesmo isto, quanto mais tentas endireita-la e meter ideias no sitio aparece algo para meter mais em baixo.
    Quanto ao teu post, ja me aconteceu isso dai ter mudado de blog. E sentimo-nos traidas!
    Beijinhos e vou te seguir tb :)
    obrigada

    ResponderEliminar